Em destaque

Um olhar diferente no deserto virtual

Pés, por quê os amaria, se eu tenho asas para voar?

— Frida Kahlo.

Em momentos em que os discursos estão cada vez mais polarizados em nossa sociedade, sigo minha caminhada de luz, fé, energia e muito amor pelo que faço. Vocês quer saber o que eu faço? Bom, fiquem todos atentos a este blog, um espaço destinado para o compartilhamento das minhas experiências como Vovó Izabel, a vovó da pequena, porém gigante, Nicole – a irmã do Benjamin, que em breve vai figurar por aqui também – e o momento que reescreveu a história da minha vida.

A ideia de criar um blog para destinar essa vivência tão incrível e enriquecedora pela qual estou passando se dá pelo fato de eu já tecer um pouco dos meus sentimentos de vovó em meus perfis nas redes sociais. Algumas pessoas do meu convívio social e virtual me pediram para criar o tal blog, do qual não conheço um tanto e o faço com uma pequena ajudinha do meu genro e minha filha, a família da Nicole.

O relacionamento entre mãe e filha, entre vó e neta, entre irmãos, enfim, o convívio entre seres pensantes serão uma constante por aqui. E tentem não serem pegas de surpresa quando os contos da pequena Nicole começarem a espalhar um pouco de amor por aqui. A minha intenção é justamente mostrar como é a nova era, agora que os milenialls já estão gerando frutos, e como é o resultado de tudo isso para nós, as novas vovós do século XXI.

Bom, aos que não nos conhecem, sejam muito bem vindos. Aos que já sabem o que está por vir, apertem o cintos, pois as aventuras da #BabyNico em crônicas narradas por sua Vovó estão prestes a começar. Serão momentos de autoconhecimento, de busca apresentação pela melhor relação interpessoal que existe, cuidado pelos que amamos e de total aprendizado para todas nós.

Venham comigo, vózinhas! Vamos voar!

#AKissForNicole

Espiritualidade

“A sociedade tem medo de mulheres que voam. Sejam elas bruxas, sejam elas livres.”

No domingo cedo, Nicole acordou e me viu orando na sala.
Chegou de mansinho e ajoelhou ao meu lado, em seguida me pergunta se podemos passar o foguinho na casa.
Ascendo o incenso de corda, e ela tomou a frente.
Foi em cada cômodo, passando a fumacinha.
Fez 2 vezes o percurso.
Depois sentou no meu colo e me abraçou, e eu abençoei.

#AKissForNicole

Nicole é Galo!

Futebol na escola e futebol no Estádio “Mineirão”.
Nicole segurando o livro escrito por seu pai: “A Geração que Acreditou”.

Nicole É Galo.
Desde a barriga de sua mãe, assistiu partidas de futebol em Belo Horizonte e em alguns lugares no ES em que se reunia a torcida.

Ao nascer, ganhou de seu Avô paterno uma camisa do Galo. É natural, acompanhar seu pai, um torcedor ‘fanático’ do Clube Atlético Mineiro, como todo torcedor, rsrs. Até livro sobre o time do coração já escreveu – e a Nicole está no livro, em toda parte. Desde muito cedo grita Galo, goooooool.

Canta as músicas da torcida ensinadas pelo pai, seja pra ninar ou pra tomar banho, cada música tem o seu momento, o seu ritual. Quando se reúne com os meninos, entra pra jogar, e até gol faz.

Observo a brincadeira e as gargalhadas. Ontem me pediu: Vovó espera um pouquinho, vou jogar com meu amigos. Colocou o chinelo de lado e saiu correndo. Para mais um gol. Um gol do Galo!

#AKissForNicole

Reinventar!

Nicole chegou resgatando minha criança, minha sensibilidade, minha leveza. Me desacelerou, e provou em mim vontade de voltar mais cedo para casa. O momento de fazê-la dormir, me fez cantar antigas cantigas dormidas em minha memória.
Começava com:

Se essa rua fosse minha, eu mandava ladrilhar…
Era sequencia de músicas de ninar, até chegar nos louvores.

O braço adormecia, e o calor do seu corpo esquentava minha alma.
Como os olhos arregalados, ia me informando as que mais gostava e eu seguia repetindo.
Um tempo todo nosso.
O cheirinho de bebê, as cantigas, toda sensibilidade foi despertando em mim o meu melhor.
Tive a oportunidade de vê-la todos os dias.

Sempre me coloquei no lugar de ter prazer em está em seus cuidados.
Seus pais muito atentos e presentes.
Não escolho ser vó nos finais de semana ou festas.

Acompanhar cada etapa, me fez criar uma percepção, uma intimidade com ela.
Como Eu acredito em “reencontros”.

Nicole me nutre na Atual jornada.

Amo-te.
#AKissForNicole

Nicole e seu tino pela arte

Semana passada, ela me entregou um papel com alguns rabiscos.
O que você escreveu ?
Vovó essa é a lista de materiais, para a surpresa da mamãe.
Leia para mim, eu pedi.
Em pé com o papel na mão começou.
Lantejoula preta e rosa.;
1 caixa;
Cola;
Fitas;
Colar, pulseira e perfume.
Lantejoula?
Sim vovó, vamos colar na caixa.
Onde você viu lantejoula?
Na minha fantasia.
Tudo bem.
Na quinta feira passada fui a vitória e comprei a lista.
Ontem ela chegou e foi direto para o “Quarto das Artes’.
Os olhos brilhavam.
Começou a caixa, e informou que não precisava de ajuda.
Pediu para que eu ficasse ali pertinho, para cortar as fitas, pois tesoura não e coisa para criança rs
Fui ajudando, quando solicitada
Concentrada e de cabeça baixa começou.
Respirava profundo.
Quando terminou a primeira caixa, já olhou para a segunda que eu segurava.
Essa aqui É minha Nicole.
Vovó o aniversário é da mamãe.
Tudo para Ela agora.
Vamos alegrar e fazer várias surpresas.
Ela vai ficar muito feliz.
O nosso aniversário é muito especial.
Na próxima vez eu faço uma para você.
Eu, Isabel Mello, Sempre significo meu aniversário.
É o único dia que nunca trabalhei.
Faz pelo menos 15 anos que viajo pelo menos 10 dias para comemorar.
Amo esse período.
Praticamente o mês de Agosto comemoro.
Nicole veio com o mesmo chip.
Para ela aniversário é alegria, amigos, brincadeira.
Tanto Eu como seus pais, programam minuciosamente sua festa.
Nicole É de Agosto.
Sim, todas as caixas e surpresas são de Marina.
Fevereiro e o mês dela.
Hoje ela fará a segunda caixa, pois a primeira ao terminar, pediu para ver um pouco de desenho e dormiu.

É dia de festa!

Nicole escolhe suas roupas para sair.
Adora colorido, e faz um mix em suas combinações.
Hoje têm aniversário, e começou sua busca para se arrumar.
Benjamim acompanha admirando a irmã.
As poses que ela faz, me derreto.
Quando abre meu guarda roupa, fica um tempo admirando, e ao virar-se, pergunta de imediato.
Vovó, quando Eu crescer posso usar?
Sim, Tudo é Nosso!!
Sorrir e pula no pescoço.
Básica como sua Vovó Isabel…

#AKissForNicole

Nicole e o seu olhar com o coração

Na última sexta feira, chamei Nicole para comprarmos o presente de aniversário de sua mãe.
Fomos até o atelier de semi jóias de uma amiga.
Nicole já entrou tirando a sandália, pois avistou um tapete peludo, que ficava abaixo da mesa de demonstração.
Como em minha casa ninguém entra de sapato ou chinelo, pois tem tapetes e tapetes.
Ela teve a mesma postura
Subiu na cadeira e começou a separar o que acreditou combinar com a mãe,
Segurou na mão um colar de coração e no meio dois bonequinhos, representando menino e menina.
Achei vovó, esse é da minha mãe.
Uma peça maravilhosa.
Eu segui escolhendo outras peças e ela só observava.
Disse que poderia escolher uma também, no primeiro momento ficou resistente, pois afirmou que estávamos ali para comprar o presente da mãe.
Acabei chamando Marina para ver as peças.
Dentre tantas, concordou com Nicole.
Amei o colar de coração.
Coração é a sua constante representação de Amor.

#AKissForNicole

A vovó da Era Digital

A humanidade tem medo de mulheres que voam. Sejam elas bruxas, sejam elas livres.

Arthur Diogo

Sou a Vovó Izabel, a nova vovó do século XXI. Preparem-se para uma viagem entre as gerações atuais, das vovós à geração Y e Z, com todas as suas nuances e aventuras – que não serão poucas.

Um pouco de mim? Sou terapeuta holística com quase 4 décadas completas de experiência. Com o meu trabalho, ofereço ferramentas para o autoconhecimento e cura. Pra quem não entende muito do assunto, superficialmente, é uma incessante busca por entender o comportamento humano e potencializar os resultados individuais.

Mas não é para isso que estamos aqui. Eu sigo aprendendo muito sobre o comportamento humano nos últimos anos e isso se deve pelo fato da chegada de uma pequena grande mulher em minha vida: a Nicole.

Vamos falar tudo que rodeia a vida de vó de menina, mas, sobretudo, falaremos sobre o amor.

Vamos nessa?

#AKissForNicole

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora